TURISMO

Fotos: Divulgação CNG

rotas1.jpeg

Região de Furnas e da Canastra 
ganha 14 novas rotas turísticas

Reportagem: Keuly Vianney

n.noticiar@gmail.com

29/10/2022

whats-logo.png

A região do Lago de Furnas e da Serra da Canastra ganha 14 rotas turísticas a partir da próxima semana, com objetivo de atrair mais visitantes às 20 cidades que integram o Circuito Nascentes das Gerais e Canastra. O lançamento ocorre no 1º Encontro Regional de Turismo de Piumhi entre os dias 3 e 5 de novembro no Parque de Exposições Tonico Gabriel.  
 

As rotas destacam as principais atrações de Alpinópolis, Araxá, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Cássia, Claraval, Delfinópolis, Guapé, Ibiraci, Ilicínea, Itaú de Minas, Passos, Piumhi,  Pratápolis, São João Batista do Glória, São José da Barra, São Roque de Minas, Sacramento, Tapira e Vargem Bonita.  

A ideia é fazer com que os turistas fiquem mais tempo na região, aproveitando para conhecer várias rotas. Já foram mapeados mais de 250 atrativos turísticos, mais de 150 empreendimentos de hospedagem e mais de 150 estabelecimentos de gastronomia.   


As rotas foram montadas com o que a região tem de melhor, destacando a gastronomia com o tradicional e premiado queijo Canastra, a  comida e os doces mineiros, o ecoturismo  com visita às cachoeiras, cânions, mirantes, passeios náuticos e de aventura no Mar de Minas e na Canastra. Além disso, aparecem outros atrativos que começaram a ser explorados mais recentemente, como cicloturismo e turismo religioso e de contemplação. 

Todas as rotas estão conectadas entre si com os 20 municípios participantes, com dados disponibilizados no site do circuito. A ideia das rotas surgiu em 2019, sendo inspirada nos roteiros da Serra Gaúcha (RS), fazendo parte de um projeto mais amplo de turismo na região mineira no futuro, como capacitação dos empreendimentos e sinalização turística.


A produção deste projeto só foi possível com a inscrição no edital do Reviva Turismo, programa do governo estadual de incentivo, promoção e divulgação do potencial turístico de Minas lançado em 2021. Ao ser aprovado, o circuito foi contemplado com R$ 80 mil para desenvolver o trabalho. 

Serras e vales são destaque nas rotas turísticas da região

VEJA MAIS

mardeminas.jpg
parque-tirolesa.jpg