TURISMO

Expedição mostra riqueza do Pantanal

Reportagem e edição: Keuly Vianney

Fotos: Aluísio de Souza

25/04/2021

A diversidade da flora e fauna do Pantanal está na reportagem fotográfica de Aluísio de Souza realizada durante a Expedição Canastra-Pantanal 2021, que ocorreu entre os dias 8 e 14 de abril por uma equipe do Sul de Minas Gerais e está sendo divulgada exclusivamente hoje pelo Noticiar.net. Embora a região pantaneira tenha sofrido com as queimadas em 2020, o fotógrafo de Passos visitou uma área do bioma preservada no Mato Grosso do Sul.

Da expedição, também participaram o jornalista José Augusto de Andrade e a esposa Alcione Barcelos, de Piumhi, e o advogado e pescador esportivo Paulo Picardi Faria. Conforme a equipe, o objetivo da viagem foi visitar os atrativos turísticos e receptivos de pesca esportiva e revelar a realidade do Pantanal Sul-Matogrossense após os incêndios do ano passado e a seca.

whats-logo.png

Equipe (dir. p/esq.): fotógrafo Aluísio de Souza, José Augusto, Alcione e Paulo Picardi ao lado de Odila, proprietária de hotel pesqueiro no Pantanal 

A constatação foi de que o rico bioma pantaneiro do local visitado se encontra recuperado com toda sua exuberância natural. Eles se hospedaram no Hotel Pesqueiro da Odila, de onde percorreram uma grande extensão do rio Paraguai, entre Porto Morrinho e Porto da Manga.

Foram visitados inúmeros corixos e baías, incluindo a maior delas, a Baía de Albuquerque, além dos rios Abobral e Miranda, dois dos principais afluentes do rio Paraguai.

Paisagens, a flora e a fauna pantaneira foram focalizadas por Aluísio de Souza, que tem mais de 30 anos de experiência fotográfica. A sensibilidade em cada clique e o olhar jornalístico marcam o trabalho do fotógrafo nesta ida à região. Ele já esteve no Pantanal em outras ocasiões, mas a cada vez que retorna se encanta com a natureza exuberante das planícies, dos animais e de todo complexo. As paisagens são um show à parte, que você pode ver na Galeria abaixo (arraste para ver as imagens e clique na foto para ler a legenda).

Planície e rios

O Pantanal possui a maior planície inundável do mundo, com uma área de 250 mil km², abrangendo três países da América Latina: Brasil, Paraguai e Bolívia. Em terras brasileiras, estão 62% de sua área nos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Seu principal rio é o Paraguai, com seus afluentes alagando a região e formando as extensas áreas alagadiças. Já a flora forma uma variedade do Cerrado, Mata Atlântica, Floresta Amazônica e o chaco paraguaio e boliviano. Água na planície pantaneira é o que não falta, como você pode admirar nas fotos na Galeria abaixo (arraste para ver as imagens e clique na foto para ler a legenda).

Nesse ambiente, vivem várias espécies de animais, de peixes e reptéis a aves e mamíferos. Os jacarés, as onças e aves, como a arara-azul e o tuiuiú, símbolo do Pantanal, são os grandes representantes da região. Na expedição, o fotógrafo clicou vários animais, incluindo um jacaré albino, que está na Galeria de fotos abaixo (arraste para ver as imagens e clique para ler a legenda). 

VEJA MAIS