2019  © Copyright Noticiar.net

Mapa Virtual da Criminalidade

Reportagem e edição: Keuly Vianney

Fotos: Aluísio de Souza

Arte: Hanna Teixeira

05/05/2019

Informações sobre crimes em Passos no primeiro trimestre de 2019, como furtos, roubos, apreensão de drogas, estupros e homicídios, foram disponibilizadas no Google Maps, possibilitando uma visualização precisa em quais localidades aconteceram as ocorrências criminais

Com informações da Secretaria de Estado de Segurança Pública de Minas Gerais (Sesp/MG) e da Lei de Acesso à Informação (Lei 12.527/11), o Noticiar.net produziu o Mapa Virtual da Criminalidade em Passos, com dados do primeiro trimestre de 2019.

 

Esta é a primeira vez que os números são visualizados por meio do Google Maps, disponibilizando um mapeamento virtual de onde os crimes são praticados na cidade. Ao navegar no Mapa, é possível identificar todas as áreas do município que apresentaram algum tipo de ação criminosa no período, bem como o número de registros. 

 

Já nos gráficos ao longo da reportagem, confira as localidades que lideram os registros em furtos, roubos, apreensão de drogas, estupros e homicídio no trimestre.

De janeiro a março deste ano, foram registrados em Passos 100 apreensões de drogas, 402 furtos, 82 roubos, 3 estupros, 1 tentativa de homicídio e 1 homicídio consumado, tendo como base o banco de informações dos Registros de Evento de Defesa Social (REDS), o conhecido Boletim de Ocorrência.

Os três bancos de dados repassados pela Sesp/MG à reportagem dão conta de que, além desses números, constam 91 registros considerados inválidos, sem identificação do local onde ocorreu o crime. Por isso, não foram contabilizados neste Mapa.

O furto é o crime mais comum na cidade, totalizando 402 registros entre janeiro e março deste ano. Desse total, 132 aconteceram em janeiro, 150 em fevereiro e 120 em março. A média é superior a 4 furtos/dia.

Já os roubos somam 82 ocorrências, com média de 1 roubo/dia nos três primeiros meses de 2019. Na classificação policial, o roubo difere do furto quando o criminoso age com violência ou ameaça.  

As apreensões de drogas totalizaram 100 registros no período analisado, o que dá média de mais de 3 apreensões/dia nos três primeiros meses do ano.

Em relação aos estupros, os três registros do período ocorreram somente no mês de janeiro. Apesar da onda de violência dos últimos anos, com alto número de homicídios, Passos recuou nesse quesito, trazendo somente uma ocorrência no ano até março. Em 2012, foram 23 homicídios, o registro mais alto da história, contra 7 em 2018.  

De acordo com a Sesp/MG, a taxa de crimes violentos vem reduzindo na cidade nos últimos anos: 541 em 2016; 453 (2017); 419 (2018) e 99 casos de janeiro a março de 2019. Ainda conforme a Secretaria, devido à política estadual de combate à violência, houve queda nos indicadores de criminalidade no primeiro trimestre deste ano em todo Estado, na comparação com o mesmo período de 2018. Um dos destaques é a redução no número de roubos, que diminuiu em 32% no território mineiro.

Trabalhando com geolocalização, muitos números e confronto de dados, a reportagem demorou três dias para disponibilizar as informações no Google Maps e oferecer à população esse mapeamento da criminalidade em Passos.

Autoconhecimento

Práticas de PNL, Coaching e Mindfulness podem ajudar no equilíbrio emocional e conhecimento de si mesmo

Restauração

Profissionais afirmam que famílias mineiras estão restaurando peças antigas 

Jerônimo Netto

Os 125 anos de nascimento do pintor trazem à tona sua importância artística e cultural