CURIOSIDADES

amor

6 curiosidades sobre o dia 
mais romântico do ano

Texto: Keuly Vianney

n.noticiar@gmail.com

11/06/2022

whats-logo.png

Sem dúvida, o 12 de junho é considerado o dia mais romântico do ano. Muitos namorados ficam mais unidos para comemorar a data, seja num jantar especial, trocando presentes ou curtindo um passeio. O que importa é não deixar a data passar em branco. Mas, você conhece curiosidades sobre esse dia especial? Descubra 6 delas no texto abaixo. 

1 - História da data romântica
São Valentim é considerado o santo dos namorados na grande parte dos países do mundo. Essa história se passa no ano 270, quando o imperador romano Claudio II proibiu que jovens se casassem por acreditar que os solteiros se tornavam melhores soldados. 


São Valentim, como todo bom cristão, era contrário à decisão e chegava a casar os jovens escondidos, tornando-se, assim, um dos protetores dos casais apaixonados que atravessou séculos. 


Em alguns países da Europa e nos Estados Unidos, o Dia dos Namorados é comemorado em 14 de fevereiro, sendo denominado de Dia de São Valentim, ou Valentines Day. 

Reprodução

2 - 12 de junho só no Brasil 
No Brasil, ao contrário dos europeus e americanos, a data é comemorada em 12 de junho, por uma questão comercial. Em 1949,o  publicitário João Dória sugeriu adotar a data para ajudar no aumento das vendas de uma loja de departamentos de São Paulo no mês de junho, um dos menos lucrativos do ano. 


Inspirado na comemoração romântica de outros países, escolheu a data que antecede o Dia de Santo Antonio (foto), conhecido pela sua fama de santo casamenteiro entre os brasileiros. 

namorados-santo.jpeg
valentines-day-2057745_640.jpg

3 - Chocolate de coração 
Os bombons de chocolate são um dos presentes mais vendidos para os casais apaixonados nesta época do ano. O responsável pela sua popularização em formato de coração (foto) foi o empresário inglês Richard Cadbury (1835-1899). 


Conhecida na Inglaterra, a marca Cadbury teve uma sacada dupla: apresentou os chocolates de forma romântica e poética e, após serem comidos, a caixa poderia ser utilizada após as iguarias serem comidas. Por ser tão bonita, a caixa passou a guardar lembranças e cartas de amor. 

A prática tornou-se comum na época Vitoriana, na Inglaterra, e ainda existem alguns exemplares das caixas Cadbury, que se tornaram vintages e valiosas para colecionadores, sendo consideradas como joias de família. 

4 - Flores
As rosas vermelhas (foto) são um símbolo da paixão e, por isso, lideram as vendas de flores no Dia dos Namorados. Mas você sabe como esta tradição se estabeleceu? A rosa vermelha era a preferida de Vênus, a deusa do amor na Roma Antiga. 


Alem disso, o vermelho é considerado a cor do amor e está relacionado a sentimentos forte e emoções amorosas. Lá em Taiwan, na Ásia, existe uma tradição no dia especial de São Valentim aos se oferecer flores à pessoa amada. 


Uma rosa vermelha significa “amor único”; 99 rosas expressam “amor para sempre” e 108 rosas simbolizam um pedido de casamento. Faria este gesto? 

Bando de rosas vermelhas
namorados-cartas.jpg

Reprodução

5 - Romeu e Julieta
Quem não conhece o casal mais romântica da literatura mundial Romeu e Julieta, personagens da obra prima homônima de Shakespeare (1564-1616)? No livro lançado em 1597, os dois se apaixonaram mas não podiam viver o amor por serem de famílias rivais de Verona, na Itália. 


Até hoje, a cidade recebe milhares de cartas endereçadas a Julieta Capuleto (foto) no Dia de São Valentim. Muitas pessoas do mundo todo escrevem na data pedindo orientação à própria Julieta por meio de correspondências, que são respondidas por uma equipe de voluntários do Juliet Club (Clube Julieta) para manter viva a tradição epistolar, incluindo uma brasileira. 

O clube fica na casa de Julieta, um ponto turístico criada pela cidade de Verona que reproduz o local onde os pombinhos se conheceram e a sacada onde Romeu subia para se encontrar com a amada, conforme Shakespeare escreveu em seu livro. 


O filme "Cartas para Julieta", de 2010, conta a história desse local, sendo um longa indicado para quem gosta de cinema e curte as belas paisagens da Itália. 

Pelo mundo
Cada país tem uma cultura e tradição no Dia dos Namorados. Na Itália, a data é comemorada com banquetes e troca de presentes entre os casais, enquanto no Japão, são as mulheres que devem declarar seu amor, oferecendo caixas de chocolate aos homens. 


Trocar chaves e fechaduras para selar o amor é prática dos casais no Reino Unido. Já nos Estados Unidos, existe o hábito de troca de presentes, mais semelhante com o Brasil, incluindo flores e chocolates. 

VEJA MAIS